26/08/2016

A importância da História na política

É impossível falar de política e não falar de história, pois os relatos do passado nos fazem ver o que de fato interfere no nosso presente e futuro.

Algumas pessoas talvez nem curtiam história na época de colégio mas talvez isto tenha acontecido por falta de um professor entusiasta. Eu por exemplo detestava literatura até me deparar com um professor que conseguia transformar a matéria em algo fascinante (além disto, literatura também está diretamente vinculada à história, mas isto é assunto pra outra postagem).

Registrar momentos ao longo da história é uma das coisas mais importantes que a raça humana já pôde fazer, de modo que, preservar a memória de qualquer maneira (seja por livros, áudios, filmagens, pinturas, etc) sempre é um bom meio de sabermos como lidar com o presente. Um exemplo clássico é o registro sobre determinada sociedade. Se você, por exemplo, sabe do passado de um determinado estado no Brasil e como ele refletiu na cultura desse povo, ao visitar o local, saberá como se portar adequadamente.

As pessoas tendem instintivamente a serem dominadoras/ territorialistas. Se você acha um canto pra viver e nele encontra conforto, a tendência é que se preserve. Ao ser surpreendido pela chegada de um estranho/ intruso, provavelmente você se armará contra uma possível invasão, afinal, não quer perder seu conforto. Dificilmente um povo recebe o outro com paz, e por mais primitivo que isto seja, acontece até hoje, de formas alternativas. Ex: Exigência de visto e entrevista pra entrar em algum país.

Enfim, a história é muito importante, porém, não é uma ciência exata e pode ser contada de várias formas, principalmente numa tentativa de manipulação de quem está ouvindo. Existe a maldade de certos historiadores, mas há que se considerar também que, muitas vezes, são apenas pontos de vistas diferentes por serem pessoas diferentes, com experiências de vidas diferentes. Em outras palavras, um professor de história ao contar algo aos alunos pode demonstrar um malefício em algo positivo ou um benefício em algo negativo, pois será apenas sua opinião, se isto é certo ou errado, falarei em outra postagem.

Por que estou falando sobre este assunto justamente hoje? Acontece que acordei e me deparei com uma postagem no Facebook sobre um rapaz que em momentos de dificuldade, resolveu lecionar história em ônibus no Rio de Janeiro. Ele chama-se Eduardo Veras e também possui canal no Youtube.

Veja a publicação completa:



Deixe seu "like" como forma de contribuição na divulgação do trabalho do rapaz :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mensagens mal educadas e palavrões não serão aceitos*